domingo, 28 de agosto de 2011

Frente

É engraçado voltar ao blog depois de alguns meses e ler as coisas que escrevi no fim do ano passado e no começo deste. A maioria delas ainda fazem muito sentido, mas já não me lembro porque falei sobre algumas coisas. Sinal de que o tão esperado esquecimento de certas ocasiões está ocorrendo. Ainda falta muita coisa pra esquecer, mas o que houve até aqui já está bom.

O próximo passo agora é tentar sair definitivamente da bolha, que, pra mim, é tão confortável e acolhedora. Se estiver calor, que se dane. Se estiver chovendo, que se dane também. Eu vou tentar. As pessoas não mordem e não me importa o julgamento que elas possam fazer sobre mim. Aliás, sobre as pessoas, quando é que vai chegar aquele tão esperado dia em que eu vou encontrar algumas delas e passar direto, sem sentir absolutamente nada? Ou mesmo dar um "oi", como quem não sente, nem nunca sentiu nada de ruim ao olhar para aqueles rostos? Acho que em breve. Vamos acompanhar.